GTX 710 vale a pena? Confira review e análise da placa

GTX 710 vale a pena? Confira review e análise da placa

A placa da Nvidia GeForce GTX 710 foi uma das mais vendidas no país no ano de 2019, e isso se deu devido a grande performance que a peça promove em computadores gamers em jogos mais pesados.

Tal desempenho atraiu a atenção de quem gosta de jogar online, e com isso, o modelo de entrada vendeu bastante, se tornando uma das melhores opções na época.

É importante lembrar que a placa teve seu lançamento feito em 2014, mas só estourou seu número de vendas em 2019.

Mesmo competindo com outras gigantes do mercado, teve seu momento e vendeu cerca de 61.439 unidades em um único ano.

Atualmente, está custando menos de R$ 400. O valor ainda continua baixo levando em consideração que o dólar está acima de R$ 5 e, consequentemente, os valores aumentam de forma significativa.

Mesmo sendo a mais vendida desagrada alguns usuários

Segundo a experiências de alguns usuários, a GTX 710 foi decepcionante no quesito performance. Isso porque mesmo ela não sendo um lançamento no ano em que foi mais vendida, acabou deixando o público um pouco frustrado.

Com um preço muito em conta, acabou atraindo a atenção de quem precisa trocar de placa de vídeo, ou de quem já era um fã da marca e acreditou estar fazendo um upgrade.

Grande parte das pessoas que investiu na placa, usava o computador para outros tipos de atividades, e não necessariamente jogos, e por isso, talvez, o marketing de ser uma das placas mais vendidas no ano, tenha enganado parte do público que também entrou para a estatística.

Ventilação da GTX 710

Por não haver sido desenvolvida com o intuito da mineração, e nem com a alta força de processamento, ela é extremamente indicada para jogos de entrada como Minecraft e outros do gênero.

Outro ponto é que, felizmente, é possível adicionar mais coolers e facilitar a dispersão do calor. Dependendo do hardware, o mini ventilador pode custar mais de R$ 100 (há opções por R$ 20 também, tudo depende da qualidade que busca). A versão TI possui dois coolers.

Análise

A placa de vídeo GTX 710 vem com 2 GB de memória e contém um chip gráfico que, segundo as especificações, têm uma arquitetura um tanto quanto defasada.

Ela foi levemente modificada do modelo anterior a GTX 710Mm e mesmo com a melhoria, ainda com chips antigos e muitas limitações. Portanto, sem muitos avanços.

Além de ter uma arquitetura antiga, outro ponto que também desagrada quem precisa de uma placa de vídeo com potência e desempenho, é o Bus Width com só 64 bits.

Além disso, limitar bastante o desempenho, também atrapalha os 96 pipelines e o cuda cores. Sem contar que é bem limitada para rodar jogos mais atuais, tendo uma jogabilidade extremamente limitada quanto a qualidade dos games.

Por haver sido desenvolvida no ano de 2014, ela tem uma memória bastante ultrapassada que é a DDR3. O consumo de energia, por não haver sido desenvolvida com intuitos sustentáveis.

Dessa forma, como gasta mais que as opções atuais e tem o poder de processamento menor, ela não é recomendada para a mineração de Bitcoin.

Leia mais: Por que meu site não aparece no Google?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *